Construindo Minha Casa Clean: 09/21/13

Quadros na Decoração!!! Como Dispor na Parede?


Modernos, lindos e sofisticados!


Assim como os espelhos, quero utilizar quadros em várias paredes da casa!! No quarto penso em um quadro romântico do casal, no lavabo um de Paris e Londres, no pé direito duplo - ao lado do mezanino - um bem grande, abstrato e colorido, talvez na escada uns 3 quadros mais neutros! :D
Os quadros são elementos interessantes para decoração de paredes, sejam eles gravuras, fotos ou pinturas. Dependendo do quadro, do desenho ou da moldura, a harmonia pode ser quebrada, por isso, para fazer um bom uso desses elementos, é preciso observar alguns aspectos como altura, proporção, tipos de paredes, etc.
Agora vamos ver algumas dicas que podem nos auxiliar na hora de usar os quadros na parede!!


1- Lindo! Quadro de pintura em tela, grande, abstrato e colorido!! Trazendo vida para a sala neutra!

Dicas e referências de como dispor os quadros

Altura: de modo geral, os quadros devem ser colocados a uma altura padrão de 1,60 m, que permite uma boa visualização da obra tanto por pessoas baixas quanto por pessoas altas. Tenha como referência também o batente da porta: um quadro nunca deve ser colocado acima dele.


2- Vários quadros retrô mesclando com o ambiente contemporâneo! Os quadros estão na mesma altura da moldura do espelho!

Proporção: os quadros devem ser proporcionais à parede em que estarão localizados. Para paredes muito grandes, um quadro pequeno pode não cair bem, mas talvez uma sequência de quadros do mesmo tamanho possa criar um efeito agradável e harmônico. O mesmo vale para paredes muito pequenas com quadros muito grandes, é bem provável que fique esteticamente estranho.


3- Parede grande com vários quadros pequenos que formam uma única imagem! Quadro preto e branco, deixando a sala neutra sofisticada!!

Alinhamento: os quadros não precisam ter necessariamente o mesmo tamanho para estarem na mesma parede, mas é importante que você adote um mesmo referencial na hora de colocá-los juntos. Você pode alinhá-los pela parte inferior ou superior.


4- Quadros retrô alinhados tanto na parte superior quanto inferior!

Móveis: quadros acima de móveis pedem distâncias diferentes da padrão.

- Um quadro acima de um sofá, por exemplo, deve ser colocado entre 25 e 30 cm deste.


5- Numa parede essa regra foi seguida, onde os dois quadros ficaram acima do sofá em média uns 25 cm! Já na outra parede eles ficaram na mesma altura do sofá e não estão alinhados na parte superior ou inferior, então fugiu a regra e está errado, pois não ficou tão harmônico!

- Já se for acima de uma cabeceira da cama, o ideal é colocar os quadros 20 cm acima desta.

6- Já nessa quarto lindo a regra da distância foi seguida!!

- Nesses casos, também devemos estar atentos ao tamanho do quadro sob dois aspectos: o primeiro diz respeito ao tamanho do quadro, que não pode ser pequeno ou ter desenhos ou gravuras que exijam maior observação, já que, por estarem acima de um móvel, não permitem uma aproximação maior do observador.


7- Olha o luxo desse quarto contemporâneo com traços clássicos! Já nessa cabeceira a regra da distância não foi seguida, mas ficou harmônico porque o quadro preencheu todo espaço acima da cabeceira e na largura do móvel!!

- O segundo aspecto importante é que o quadro deve tomar as duas pontas do móvel, por isso, às vezes pode ser interessante fazer uma composição de quadros do mesmo tamanho.

8- Aqui o quadro centralizou com a altura da parede acima da cabeceira, ficando um pouco acima dos 30 cm, mas o quadro ficou alinhado as duas pontas da cama, deixando em harmonia!!

9- Diferente desse quadro que também centralizou pela altura da parede, mas não tomou as duas pontas do móvel, ficando pequeno e desproporcional ao grande espaço da parede, não ficando tão harmônico!

10- Nessa sala rústica o quadro seguiu todas as regras! Ficou acima das poltronas na média de 30 cm e alinhado com o espaço das plantas ao lado das poltronas!!

11- Diferente desse quadro que seguiu a regra da altura acima do sofá, mas não tomou as duas pontas do sofá! Mesmo assim ficou harmônico, por ser um quadro grande e centralizado na largura da parede!

Iluminação: os quadros podem ser valorizados com determinada iluminação. No entanto, é preciso tomar cuidado com o material do quadro, pois cada material exige um tipo de lâmpada, evitando, assim, danos. Uma opção é utilizar lâmpada dicróica 50W 38 graus com filtro embutida no teto, a uma distância de 50 ou 60 cm da parede na qual está o quadro.

Uma ilustração da distância das lâmpadas em relação ao quadro!


12- Quarto lindo com quadro grande encostado na parede! E seguindo a distância em relação a iluminação!!

13- Já aqui foram vários quadros menores, com a iluminação dos nichos! Lindo!!

Disposição dos quadros

Alguns quadros ficam melhores em determinados cômodos, assim como podem ficar melhor juntos ou separados. Algumas paredes pedem quadros maiores ou menores, ou uma composição de quadros. 

Veja algumas dicas:
- Quadros originais de mesmo tipo – por exemplo, aquarela – devem ser agrupados juntos, pois valorizam o trabalho do artista.


14- Quadros com imagens que se complementam!! Não respeitou a regra da distância da altura acima do móvel, mas sim em relação a largura de ponta a ponta do sofá!!

- As molduras valorizam as peças, portanto, siga algumas regras simples de utilização delas, como utilizar molduras de madeira para telas. No entanto, se a tela for um original a óleo com motivos abstratos, não é necessária a utilização de molduras.

15- Essa pintura não recebeu moldura, já por não se fazer necessário!!

- Fotos costumam ser mais interessantes quando organizadas por assunto e costumam ficar melhores em espaços mais íntimos, como quartos, ou em corredores e áreas de passagens.


16- Quadros com fotos em área de passagem - escada! Amei!!!

17- Já aqui vários quadros com fotos menores, alinhados pelo degrau da escada!

18- Nesse corredor, vários quadros organizados por assunto e encostados na parede!

19- No quarto do casal, por ser um ambiente mais íntimo, quadro do pai com o filho!

20- Já nessa sala de jantar, fugiu a regra! Pois o quadro enorme com fotos das crianças ficou exposto num ambiente social... detalhe que da mesa de jantar se visualiza a imagem da criança na cadeira de refeições com o rosto e barriga suja de comida :( Realmente são imagens mais pessoais para expor num ambiente social, que estará em contato com estranhos e visitas nem tão íntimas!

Disposição na parede

A distribuição dos quadros deve levar em consideração o tamanho da parede, a posição dos móveis e sua quantidade e a altura do pé direito (distância do chão ao teto). Deve-se buscar o equilíbrio entre os planos preenchidos pela área dos quadros e os espaços vazios. Muitos quadros dispostos na parede podem poluir o ambiente visualmente, da mesma forma que sua ausência pode gerar a sensação de vazio e “falta”.

21- Nessa sala com pé direito alto, o quadro grande com tons terrosos, preencheu com perfeição o espaço!!

22- Nessa sala da mesma maneira, os quadros ficaram em harmonia, tanto pela disposição quanto pelas cores, em contraste com o ambiente bem claro! Amei! Assim quero usar no meu pé direito duplo!!!

24- Nessa sala, os quadros coloridos tiraram a sobriedade dos móveis escuros, dando um ar moderno e jovem aos ambientes!!

Para colocar mais de um quadro na parede, é preciso estudar a disposição deles antes. Por isso, pegue o seu caderninho e faça um desenho da sua parede. Em seguida coloque as medidas dos móveis, bem como a disposição deles nessa parede. Lembre-se de fazer tudo em escala. Depois, corte papeizinhos com as medidas dos quadros que quer usar e coloque-os sobre o desenho.
Uma outra dica é recortar pedaços de papel pardo e colar na própria parede ou, ainda, marcar a área dos quadros com fita crepe. Atenção! Caso esteja na dúvida sobre a cor da parede, da moldura e do tipo
de quadro que deseja colocar, deixe-o encostado na parede, por alguns dias, até decidir-se.

Imagem que ilustra a idéia de usar o papel pardo! Só que o alinhamento dos quadros não seguiram a regra da decor... não alinharam nem na parte superior nem inferior!

Já aqui as imagens ilustrativas ficaram todas alinhadas!!

Hall: pode-se fixar apenas um quadro, o qual ganhará destaque e será valorizado ou ainda criar uma composição, como mostrada abaixo: um maior apoiado sobre o aparador, dois porta retratos e dois quadros pendurados na parede;

Escadas: acompanhe o alinhamento dos degraus;

Imagem que ilustra no hall o quadro maior encostado na parede, os dois pendurados e dois porta retratos menores no aparador! Já na escada estão alinhados com os degraus!

Aqui no hall apenas um quadro maior na parede e dois porta retratos menores em cima do aparador! Na escada os dois quadros seguindo o alinhamento dos degraus!

25- Quadro grande com figura humana atrás do aparador no hall de entrada! 

26- No aparador da esquerda apenas um quadro menor encostado na parede! No aparador da direita um quadro maior e bem discreto pendurado na parede! Um luxo esse da direita com branco, dourado e espelhado!!!

27- Nesse aparador dois porta retratos menores e um espelho grande encostado na parede, que poderia ser um quadro!

28- Nessa sala um quadro abstrato retangular acima do aparador!

29- Nessa sala o quadro com imagem e cores que fazem referência ao ambiente! Em cima do aparador, um pequeno porta retrato!

30- Nesse hall, o quadro é maior e neutro pendurado atrás do aparador! Lindo!!

Corredor: utilizar quadros menores (pois serão vistos de perto). Neste caso você está permitindo que pessoas parem neste corredor para observar as imagens. Se quiser que apenas passem, sem parar, uma opção melhor é fazer algum detalhe utilizando papel de parede ou ainda adesivos de parede;

Nessa imagem com duas ilustrações! Na da esquerda, quadros encostados na parede em cima da prateleira! Na direita, quatro quadros menores!

31- Nesse corredor uma combinação das duas ilustrações acima! Em cima da prateleira dois quadros e na parede quatro quadros alinhados pela parte superior!!

Sala de Jantar: geralmente é indicada a escolha de natureza morta (frutas, jarros, ...), mas no caso de salas mais modernas e integradas à cozinha pode-se optar por quadros abstratos ou até mesmo adesivos de parede ou esculturas de parede. 

Ilustração de um quadro grande ao lado da mesa de jantar!

Ilustração de dois quadros alinhados ao lado da mesa!

32- Sala de jantar moderna, com quadro abstrato colorido e três quadros menores dentro dos nichos! Lindo!!!

33- Um quadro grande abstrato neutro, deixando a mesa de jantar elegante!!

34- Vários quadros menores em cima da prateleira e um no chão, todos preto e branco, encostados na parede!

35- Corredor e sala de estar ao lado da sala de jantar, com quadros de paisagem preto e branco, alinhados pela parte superior no corredor!!

36- Quadro grande, colorido e abstrato ao lado da mesa de jantar super moderna!!

Sala de Estar: procure uma temática que seja adequada ao estilo de sua sala. Se ela é clássica, paisagens podem ser muito interessantes. Pode-se optar por imagens como campos ou até mesmo figuras humanas ou representações de cenas do cotidiano. Já se a sua sala é mais contemporânea (com linhas mais retas e aspecto “clean”), quadros abstratos podem tornar o espaço mais estimulante ao apresentar cores mais fortes;

Ilustração de um quadro retangular grande e dois menores quadrados acima do aparador do home Theater! 

37- O primeiro quadro na lateral esquerda 100% centralizado na vertical e horizontal. O segundo de canto a canto em uma moldura de caixa (amei, parece uma janela!) e o terceiro colocado em cima do segundo. O que importa neste caso é a paleta de cores escolhida e a unidade visual de todo o ambiente, inclusive a distribuição dos pesos e medidas visuais, proporcionando uma sensação agradável a quem vê!

38- Imagens de caras e bocas atrás do sofá!

39- Imagens coloridas atrás do sofá!

40- Uma tela grande colorida e abstrata atrás do sofá, dando vida para o ambiente branco e preto! 

41- Aqui a tela também é grande e colorida, mas contrasta super bem com o colorido das almofadas e dos CD's e DVD's no nicho da sala de jantar!! Lindo!

42- Composição de quadros neutros atrás do sofá!

43- Vários quadros médios e pequenos acima do aparador da sala!

44- Sala com quadro retrô atrás do sofá!

45- Quadro de figura humana colorido a direita e quadro de paisagem P&B a esquerda, tudo em harmonia com as cores do ambiente!!

46- Quadro grande com tons terrosos para combinar com as cores da sala!

47- Quadro grande abstrato atrás do sofá!

48- Quadro retangular abstrato atrás do sofá! Ambiente minimalista!

49- Quadro grande colorido e abstrato atrás do sofá, com cores que contrastam com o ambiente!

50- Sala contemporânea com quadros de paisagem de cores neutras, para deixar o ambiente calmo e elegante!

51- Composição de três quadros alinhados na parte inferior!

52- Quadro vermelho retangular atrás do sofá, em harmonia com a moldura vermelha na parede!

53- Molduras coloridas com objetos, formando quadros descontraídos e cheios de estilo!

54- Dois quadros grandes floreados e com cores vibrantes, atrás do sofá amarelo com almofadas coloridas!

55- Composição de vários quadros menores e neutros na lareira!

56- Quadro grande com detalhes em violeta atrás do sofá!

Quarto adulto: sobre a cabeceira o quadro deve preencher toda sua extensão (isso pode ser feito através de composições com 2 ou mais elementos).

Imagem ilustrando um quadro retangular ocupando todo espaço na largura do móvel!

57- Composição de 5 quadros médios ocupando toda extensão da largura cabeceira!

58- Quarto vintage com quadrinhos centralizados na cabeceira!

59- Quarto contemporâneo com quadro grande em toda extensão da cabeceira!

60- Suíte com quadros grandes de animal e bailarina na parede lateral da cama!

Quarto Infantil: quadros menores, com temáticas infantis ou imagens de animais, ricos em detalhes, podem estimular a curiosidade e o interesse da criança. Já a decoração de quartos de adolescentes pode ser mais colorida e descontraída, ter uma temática e expor a personalidade de quem usa aquele ambiente;

61- Quarto vintage de menina com quadrinhos pequenos na parede atrás do balcão!

62- Quarto moderno de adolescente com quadros temáticos!

63- Quarto moderno de uma adolescente com quadro grande e descontraído na parede lateral a cama!!

Escritório: pode-se optar por quadros com paisagens urbanas, animais (como cavalos e aves) e até mesmo imagens “divertidas” que representem o estilo de quem utiliza o ambiente.


64- Escritório com quadro do Mickey, deixando o ambiente descontraído!

Itens que devem ser observados

Alguns detalhes são muito importantes:

- Distância dele aos móveis (deve ficar pelo menos 25cm acima do móvel abaixo);
- Seu eixo deve ficar na altura dos olhos, evitando que o observador tenha de levantar ou abaixar a cabeça para visualizá-lo. Esta altura pode ser 1,60m ou 1,70m. Caso o teto seja muito alto, os quadros podem ficar um pouco mais altos;
- Se existe um elemento marcante no ambiente, como uma mesa de jantar, e você quer pendurar um quadro de tamanho maior, centralize ele baseando-se neste elemento, pois caso contrário, terá dois pontos focais de forte presença concorrendo no ambiente o que poderá gerar uma sensação de cansaço (psicológico);
- Se for criar uma parede apenas com fotografias poderá utilizar molduras com tamanhos diferenciados.
- O ideal é que quadros maiores sejam usados em paredes maiores e que sejam vistos de longe, para que o observador tenha uma visão geral do seu desenho. Já os menores podem ser colocados em locais que permitam a aproximação para que seus detalhes possam ser examinados.

Ilustração da distância e altura dos quadros!

- Se for fixar mais de um quadro na mesma parede, não os deixe muito próximos. Permita que cada um tenha sua identidade valorizada. Utilize também a mesma temática. Ou seja, se um deles retratar uma paisagem campestre, os demais devem seguir o mesmo padrão. Se os quadros estiverem na mesma parede procure alinhá-los pela base, mas se estiverem em paredes diferentes alinhe por sua parte superior.
- Se a parede é retangular, o quadro deve ser no mesmo formato ou a disposição do conjunto de quadros deve seguir este formato retangular. O importante é sentir que há equilíbrio na composição.

Disposição na Parede – perfil do usuário

É possível expressar diferentes sensações através da distribuição dos quadros:

Quadros pequenos e de tamanhos semelhantes, próximos e em alturas diferentes: criam um estilo irreverente, de alguém que gosta de colecionar objetos mas que não preza pela ordem extrema e gosta de brincar com sua disposição (informal). Uma maneira de organizar este estilo é utilizar quadros com molduras pequenas, com cores semelhantes e temáticas parecidas, como por exemplo, um conjunto de fotos preto e branco. Pode-se até mesmo dispor alguns quadros no chão, apoiados na parede.

65- Vários quadros pequenos e semelhantes atrás da cabeceira!

Agrupar quadros com molduras, tamanhos e temáticas diferentes (com equilíbrio de pesos e volumes): cria um ambiente descontraído e divertido. Pode gerar a sensação de um espaço cultural, no qual são expostos trabalhos, estimulando a curiosidade.

66- Uma composição alegre, com alinhamentos superior e inferior!

Ambiente “antigo”: escolher uma cor de fundo mais forte para a parede, como o azul ou o roxo, e dispor quadros com molduras maiores e temáticas como fotos, pode criar um espaço retrô. Neste caso o melhor é optar por uma parede pequena, que será apenas um detalhe no ambiente. Grandes extensões podem cansar quem permanece neste local, já que sua poluição visual é mais forte.

67- Quadros retrô, com molduras desproporcional e alinhamento superior e inferior!

68- Vários modelos e tamanhos de quadros retrô, alinhados na parte superior!

Escolha da Moldura

A moldura é a responsável pelo acabamento do quadro:

- Em telas onde foram utilizadas pinturas e texturas com cores quentes, como vermelho, marrom e amarelo, o ideal é usar molduras com a mesma intensidade de cor, para não fazer um contraste muito grande que cause desconforto;

69- Molduras amarelas e imagens preto e branco!

70- Que tal um quadro abstrato e colorido na cozinha? 

- O desenho de uma moldura deve ter relação com o tema e a densidade da obra. Se um quadro é simples e leve, combina com uma moldura reta e pequena;

71- Que tal um relógio formado de vários quadrinhos? Lindo!

72- Quadros abstratos coloridos no lavabo!

73- Composição de quatro quadros P&B no lavabo!

74- Quadros espelhados com figura de inseto no lavabo! Amei essa decor!

75- Que tal um quadro grande de "empreguete" na lavanderia?

- Uma moldura côncava, ou seja, menos elevada no meio do que nas bordas, aumenta a impressão de perspectiva sugerida em uma obra, portanto, é preciso sempre analisar a informação sugerida pelo artista.

76- Quadros na cozinha!

77- Quadro no lavabo!


78- Quadros na lavanderia!

Fixação

Uma boa solução é o uso de ganchos e suportes adesivos, os quais evitam que as paredes sejam perfuradas. Esteja atento à diferença de altura que pode haver ao se fixar o quadro, em função do tipo de gancho que este apresenta.

Fonte

Gostaram?
Amei os quadros 3, 7, 16, 22, 28, 36 e 37! E vocês?
Comentem a vontade!!!
Se o blog tem inspirado e ajudado vocês de alguma forma, não deixem de votar no Construindo Minha Casa Clean e contribuir para que ele se mantenha no ar! Ajude eu trazer o troféu novamente :) Ficarei muito feliz!!! E agradecida pelo carinho do seu voto! Para votar clique AQUI.


Que tal fazer um Curso de Decoração?

Leia Mais ►

NÃO ALTERE NEM MOVA ESTE GADGET!



Custom Search
Pin It button on image hover