Quais são os principais estilos de decoração para casa?

O design de interiores tornou-se maior do que nunca em nossos dias. Junto com arquitetos, engenheiros e empresas de automação residencial, esses especialistas encontram as melhores soluções para tornar um espaço prático, seguro e atraente.

IMAGEM PEXELS


No entanto, cada um apresenta sua própria visão e experiência. E saber o que diferencia os estilos de design pode ser muito mais prático do que você imagina. Quer entender melhor sobre o tema? Então, continue com a gente.

Estilo moderno pode ir além do básico


Arquitetura e design moderno é um termo amplo, unidos pela intenção de juntar tecnologia e composição por meio de autenticidade, transparência e eficiência. Seja em armários da cozinha, no armário de aço 2 portas do escritório ou nos abajures dos quartos.


No fim das contas, um edifício é mais do que uma habitação; é onde chegamos após um longo dia de trabalho ou, então, para os moldes atuais, precisamos estar totalmente aconchegados pois é ali que fazemos o home office. Além disso, é em nosso lar que reunimos toda a família em volta da nossa mesa inox industrial para uma confraternização no final de semana.


Os interiores modernistas são, portanto, muitas vezes uma sobreposição complexa de programação funcional, composições cuidadosas e linhas mais articuladas do que se comparados a outros estilos. Dê ênfase na simplicidade visual, com cores mais claras e neutras.

Estilo moderno de meados do século destaca as cores


O estilo ganhou força após a Segunda Guerra Mundial e continua em alta nos dias de hoje. Ele se destaca, principalmente, pelo uso de cores vivas, linhas nítidas e muita interação com a natureza e o ar livre.


A ênfase aqui é no fortalecimento dos vínculos interpessoais, tudo porque, na época o espaço era visto como sendo mais do que apenas um bloco de tijolos, era o espaço onde os amigos e familiares vinham para celebrar a vida e os novos tempos.  A parte interna é aberta e dialoga com as áreas comuns. Conta com amplas janelas e o quintal, com plantas, árvores e muita claridade natural, tudo isso dá o charme necessário ao estilo.

Estilo minimalista é o famoso ‘menos é mais’


Estimulados pelo movimento artístico dos anos 1960 e 1970 e inspirados levemente no que era trazido e visto da cultura oriental, esse tipo de design expressa os conceitos de modernismo, em paletas de cores equilibradas.


Reduzindo as coisas ao básico, o minimalismo nos oferece uma estética que depende muito do gosto e da característica dos moradores da casa ou apartamento. Desprovidos de distrações ou desordem, há maximização dos impactos visuais arrojados e o uso correto dos espaços.


Elementos e decorações são reduzidos ao mínimo, com armazenamento e detalhes cuidadosos em cada canto. As cores, como citamos acima, são exploradas em tons suaves, com um ou dois assentos na sala de estar e, quem sabe, um imã de ferrite com desenhos neutros na geladeira. Cabe agora entender a própria personalidade e ir, aos poucos, construindo um lar doce lar que tenha a ver com as suas escolhas estéticas.


Gostou do conteúdo sobre decoração para casa? Então, conte para gente nos comentários e não deixe de acompanhar as novidades no blog e compartilhar nas redes sociais.


Este artigo foi escrito por Éder Pessôa, criador de conteúdo do Soluções Industriais.

0 comentários