O que é preciso para financiar um imóvel?

O sonho de ter a casa própria está presente na vida de muitos, com direito a sacadas, área de lazer com mesa rústica de madeira, jardim e outros diversos ambientes. No entanto, para realizar esse desejo, é preciso dar o primeiro passo.

IMAGEM FREEPIK

Financiar um imóvel por vezes pode parecer um sonho distante,  mas com planejamento e determinação se torna uma missão possível. Para isso, é preciso saber o que precisa e o que deve ser feito antes e durante o financiamento. Pensando nisso, preparamos uma lista do passo a passo de como financiar um imóvel. Confira!

Preencha os requisitos básicos 


Pode parecer óbvio reafirmar a importância de preencher os requisitos, mas é válido ressaltar. O primeiro passo é ser maior de 18 anos de idade, ou 16 anos emancipado, e ser menor de 80 anos.


Em relação à renda do comprador, é preciso que ele tenha pelo menos 3 anos de carteira assinada ou, em caso de trabalhador autônomo, possua renda suficiente para arcar com o financiamento. Além disso, é preciso ter o nome limpo, ou seja, não pode conter nenhuma dívida em atraso no nome do comprador.


Esses requisitos são válidos tanto para quem busca um imóvel para residir, quanto para quem busca abrir uma empresa independente da especialidade, seja uma loja de varejo ou uma indústria especializada em cantoneira de alumínio.

Análise de crédito 


Neste passo, é feita a análise de crédito do comprador, onde a instituição irá verificar se as parcelas do local ultrapassam 30% da renda total. E também, como está o histórico de pagamentos do consumidor para saber quais são os riscos de atrasos e inadimplência. Isso nos leva a um ponto importante, os juros em relação ao valor financiado, isso porque se houver qualquer tipo de atraso, as parcelas sofrerão alterações por conta da multa.


Aliás, em relação ao pagamento, o interessado em efetuar a compra tem por direito a possibilidade de utilizar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) no financiamento imobiliário, caso não tenha sido usado nos últimos 3 anos.

Avaliação do imóvel


Após a análise, é realizada a avaliação do imóvel, para garantir não só o direito do comprador, mas também do anunciante. Isso porque, nesta etapa, é realizada a verificação das pendências do imóvel, desde a alienação fiduciária à hipoteca.


E, também, é feita uma análise em relação ao valor da venda, para garantir que o imóvel está sendo oferecido por uma quantia condizente com a que ela vale no mercado atual. 


Por exemplo, suponhamos que  você irá financiar o local em que funciona uma usinagem de precisão, cujo valor é avaliado em mais de 6 dígitos, não condiz com uma venda que possua menos de 5 dígitos. Após seguir todos esses passos junto a instituição responsável pelo financiamento, chegou o momento esperado, a assinatura do contrato.


Para saber mais sobre imóveis e dicas de decoração, continue nos acompanhando para se manter atualizado. E não esqueça de deixar sua opinião e compartilhar este artigo nas redes sociais.


Este artigo foi produzido pela equipe do Soluções Industriais.

0 comentários